terça-feira, 25 de agosto de 2015

Amar


É sentir
O inexplicável...

O beijo
Que não esfria

O frio na barriga
Só de te ver

A saudade
Logo depois que você bate a porta
A alegria
Quando você retorna.

Gabriela Devaneios

12 comentários:

  1. Prezada, Gabriela Devaneios.

    Amar, é quase conjugar o verbo: observar
    Amei, o seu texto, 10.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Ameii ♥

    Bjuss

    http://changeable-girl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi Maria Yasmin, obrigada pelo comentário e pela visita. beijosss

      Excluir
  3. Lindíssimo poema, amei, parabéns amiga.

    ResponderExcluir
  4. Lindíssimo poema, amei, parabéns amiga.

    ResponderExcluir
  5. Lindíssimo poema, amei, parabéns amiga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Regina Lopes, seus poemas também são lindos!!! Beijos Gabriela

      Excluir